Capacitação para Rastreamento da Hanseníase

2 minutos para ler

No dia 28 de abril de 2021, foi realizado no Campus Alfa Sul do UNIFACIG
seguindo o Protocolo de Biossegurança da Instituição e do Munícipio, a Capacitação Rastreamento da Hanseníase para acadêmicos do último ano dos Cursos de Enfermagem e Medicina.

A Capacitação realizada faz parte de uma parceria entre pesquisadores da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), pesquisadores do Centro Universitário UNIFACIG e a Secretaria Municipal de Saúde de Manhuaçu.

De acordo com a profa. Dra. Angélica Coelho, a região de Manhuaçu possui alta endemicidade de hanseníase, e a transmissão do M. leprae ocorre por meio de contato próximo e prolongado de um indivíduo suscetível com um caso bacilífero não tratado o que justifica trabalhar medidas para o controle efetivo do ciclo de transmissão da doença.

Para a Coordenadora da Atenção Primária do Munícipio de Manhuaçu, Enfermeira Sandra Barbosa, a estratégia é de grande relevância pois possibilitará o trabalho em conjunto dos serviços de saúde e das instituições de ensino em prol da saúde da população.

A Enfermeira Msc. Roberta Mendes explicou que a hanseníase é uma enfermidade crônica, infecciosa, de evolução lenta e progressiva que atinge nervos e troncos nervosos periféricos, causando lesões cutâneas como manchas, nódulos, pápulas; perda de sensibilidade.

Assim, a capacitação dos acadêmicos que estão no último ano dos cursos de enfermagem e Medicina é de grande importância para preparação desses profissionais para trabalharem estratégias de controle e vigilância dos casos de hanseníase na região.

Posts relacionados

Deixe um comentário